Personalidade INFP - O Idealista

infp

 

(Aproximadamente 3-4% da população) Os INFPs valorizam a harmonia acima de todas as coisas. Sensíveis, idealistas e leais, eles têm um forte sentido de honra com relação aos seus valores internos e são, com frequência, motivados por uma profunda crença pessoal ou pela devoção a uma causa que sintam ser valiosa.

Os INFPs estão interessados nas possibilidades além do que já é conhecido e concentram a maior parte da sua energia nos seus sonhos e visões. Receptivos, curiosos e compreensivos, frequentemente têm uma excelente visão de longo prazo. Em assuntos quotidianos, são normalmente flexíveis, tolerantes e adaptáveis, mas são muito firmes acerca das suas lealdades internas e estabelecem padrões muitos altos - de facto, quase impossíveis - para si próprios.

Os INFPs têm muitos ideais e lealdades que os mantêm ocupados. São profundamente comprometidos com seja o que for que escolham empreender - e tendem a empreender muito - mas, de alguma forma, conseguem ter tudo terminado.

Embora demonstrem uma fria reserva pelo lado de fora, os INFPs preocupam-se profundamente por dentro. São humanos, empáticos, compreensivos e muito sensíveis aos sentimentos dos outros. Evitam conflito e não estão interessados em impressionar ou dominar ninguém, a menos que os seus valores estejam em jogo. Com frequência, os INFPs preferem comunicar os seus sentimentos pela escrita, em vez de oralmente. Quando estão a persuadir os outros da importância de seus ideais, os INFPs podem ser muito convincentes.

Os INFPs raramente expressam a intensidade dos seus sentimentos e com frequência parecem reticentes e calmos. Entretanto, uma vez que eles o conheçam, são entusiásticos e calorosos. Os INFPs são amigáveis, mas tendem a evitar a socialização superficial. Valorizam pessoas que se empenham em compreender os seus objectivos e valores.

Possíveis Aspectos Negativos

  • Uma vez que a lógica não é uma prioridade para os INFPs, por vezes cometem erros factuais e podem não estar conscientes de estar a ser ilógicos. Quando os seus sonhos perdem o contacto com a realidade, os outros podem vê-los como frívolos e místicos. Os INFPs beneficiariam se pedissem o conselho de pessoas mais práticas para descobrir se suas ideias são aplicáveis e úteis no mundo real.
  • Porque são tão comprometidos com seus próprios ideais, os INFPs têm a tendência de ignorar outros pontos de vista e podem, algumas vezes, ser rígidos. Não estão particularmente interessados no seu ambiente físico e, normalmente, por estarem tão ocupados, falham em notar o que está a acontecer à sua volta.
  • Os INFPs podem reflectir sobre uma ideia muito mais tempo do que é realmente necessário para começar um projecto. As suas tendências perfeccionistas podem levá-los a refinar e polir as suas ideias por tanto tempo que eles nunca as compartilham. Isto é perigoso, uma vez que é importante para os INFPs encontrar formas de expressar as suas ideias. Para evitar que fiquem desencorajados, precisam esforçar-se no sentido de se tornarem mais orientados para a acção.
  • Os INFPs são tão emocionalmente envolvidos nos seus empreendimentos que são muito sensíveis às críticas. Para complicar ainda mais as coisas, tendem a exigir muito de si mesmos quando estão envolvidos em alguma coisa governada pelos seus próprios padrões inatingíveis. Isso pode levar a sentimentos de inadequação, embora eles sejam capazes de realizar muito. Quando os INFPs estão frustrados, tendem a tornar-se negativos acerca de tudo a sua volta. Tentar desenvolver mais objectividade acerca de seus projectos ajudará a manter os INFPs menos vulneráveis à crítica e frustração.
  • Porque os INFPs tentam agradar a tantas pessoas ao mesmo tempo, pode ser difícil para eles manter uma posição impopular. Hesitam em criticar os outros e têm uma grande dificuldade em dizer não. Quando os INFPs não expressam as suas opiniões negativas sobre planos e ideias, os outros podem ser levados a acreditar que eles concordam com eles. Os INFPs necessitam desenvolver mais assertividade e podem beneficiar em aprender como oferecer crítica honesta aos outros quando necessária.

CARREIRA

O que segue é uma lista dos elementos mais importantes para a satisfação profissional do INFP. Note que esses dez elementos podem apresentar-se em variados graus de intensidade e ordem de importância. Os dez elementos, no entanto, identificam o que os INFPs necessitam para estar satisfeitos profissionalmente.

Como um INFP, a satisfação na carreira significa fazer um trabalho que:

  • Esteja em harmonia com os meus próprios valores e crenças pessoais e permita-me expressar a minha visão através do meu trabalho
  • Dê-me tempo para desenvolver profundidade substancial para as minhas ideias e manter controlo sobre o processo e o produto final
  • Seja feito autonomamente num espaço de trabalho particular e com bastante tempo sem interrupção, mas com oportunidades periódicas para ter as minhas ideias apreciadas por pessoas que eu sinto que me respeitam
  • Seja feito dentro de uma estrutura flexível, com um mínimo de regras e regulamentos e que me permita trabalhar em projectos quando eu me sentir inspirado
  • Seja feito com outros indivíduos criativos e atenciosos num ambiente cooperativo e livre de tensão e conflito interpessoal
  • Permita-me expressar minha originalidade, e no qual o crescimento pessoal é encorajado e recompensado
  • Não requeira que apresente o meu trabalho frequentemente perante grupos de pessoas ou exija que eu o compartilhe antes que esteja finalizado de acordo com o meu agrado
  • Permita-me ajudar os outros a crescer, a desenvolverem-se e a tomarem consciência plena do seu potencial
  • Envolva compreender as pessoas e descobrir o que as faz funcionar bem
  • Permita-me trabalhar para realizar os meus ideais sem ser limitado por obstáculos políticos, financeiros ou de qualquer outra espécie

Pontos fortes e fracos relacionados com o trabalho dos INFPs incluem:

PONTOS FORTES

  • Preferem trabalhar com causas que aprovem
  • Trabalham bem sozinhos, com frequentes e significativas interacções de apoio com outros a quem admiram
  • Fiéis para com os seus deveres e obrigações
  • Sentem-se inspirados quando trabalham numa tarefa na qual acreditam
  • Capazes de compreender e comunicar face a face com outras pessoas

PONTOS FRACOS

  • Podem ser irrealistas no planeamento de um projecto
  • Desejam controlar os seus projectos e podem perder o interesse se o controlo for perdido
  • Podem se tornar desencorajados se o trabalho não é direccionado para um propósito no qual acreditam
  • Podem ser inflexíveis em fazer mudanças necessárias nas suas ideias
  • Podem ter problemas em trabalhar num ambiente competitivo

Ocupações Populares para INFPs

Ao listar ocupações que são populares entre INFPs, é importante notar que existem pessoas bem sucedidas de todos os tipos em todas as ocupações. Entretanto, o que segue são carreiras que INFPs podem achar particularmente satisfatórias. Esta não é, de forma alguma, uma lista completa, mas é apresentada aqui para sugerir possibilidades que você pode não ter previamente considerado. A lista a seguir não é apresentada pela ordem de importância e/ou preferência.

  • Designer gráfico
  • Professor (Ciências Humanas/Artes)
  • Pesquisador
  • Orientador educacional
  • Assistente social
  • Analista de recursos humanos
  • Terapeuta ocupacional
  • Gestor de recursos humanos
  • Ministro de culto religioso
  • Escritor: poeta/romancista
  • Jornalista
  • Editor/Director de arte
  • Músico
  • Monitor cultural
  • Psicólogo
  • Nutricionista
  • Fisioterapeuta
  • Tradutor/Interprete
  • Foniatra
  • Naturologista (Naturologia Aplicada)
  • Artista
  • Actor
  • Arquitecto

Para você, curar significa reparar aquelas barreiras que atormentam a vida particular e os relacionamentos de uma pessoa. Isto significa cuidar de si mesmo e relacionar-se com as outras pessoas de uma maneira conciliadora, ajudando a restaurar a união, a integridade perdida, ou o que você chamaria de "unidade". Você apresenta uma face tranquila e visivelmente agradável para o mundo, mas apesar de toda essa aparência de ser uma pessoa gentil e fácil de se lidar, interiormente você é tudo menos sereno, tendo uma capacidade de cuidar raramente encontrada em outras pessoas. Você se importa profundamente — e apaixonadamente — por algumas poucas pessoas especiais ou por uma causa predileta, e o seu objetivo fervoroso é trazer paz ao mundo e plenitude para si mesmo e para as pessoas a quem você ama.

Você tem um senso profundo de idealismo derivado de seu forte senso pessoal de moralidade, e de sua concepção do mundo como sendo um lugar ético e honrável. De fato, para entendê-lo, devemos compreender o seu idealismo como quase sem limites e altruístico, inspirando-o a fazer sacrifícios extraordinários por alguém ou por algo em que você acredita. Pessoas como você são os shamãs, os curandeiros ou os feiticeiros da tribo, os príncipes ou princesas dos contos de fadas, o verdadeiro cavaleiro ou defensor da fé, como Dom Quixote ou Joana D'Arc. Isolado por sua reclusão e por sua raridade, o seu idealismo o deixa se sentindo ainda mais isolado do resto da humanidade.

Pode ser que você procure união dentro de si mesmo, e entre você mesmo e as outras pessoas, por conta do sentimento de alienação proveniente de um passado potencialmente infeliz. Pessoas como você frequentemente têm uma infância cheia de fantasia, o que, infelizmente, é algo desencorajado ou até mesmo punido por muitos pais. Caso tenha tido pais que esperavam que você fosse sociável e habilidoso de maneiras concretas, você pode ter passado a se enxergar como um patinho feio. Outras pessoas podem não se importar se as expectativas dos pais não se encaixam com elas, mas não você. Desejando satisfazer seus pais e irmãos, mas não sabendo ao certo como fazê-lo, você tenta esconder suas diferenças, acreditando que elas são sem valor por serem tão fantasiosas, tão diferentes de seus irmãos e irmãs mais práticos e "pés-no-chão". Pessoas como você se perguntam, alguns pelo resto de suas vidas, se são pessoas normais. Você é completamente normal, sim, somente diferente das outras pessoas — um cisne criado em uma família de patos.

Ainda assim, você acha difícil acreditar e confiar em si mesmo. Profundamente comprometido com o positivo e o bom, mesmo ensinado a acreditar que existe maldade dentro de si, você pode vir a desenvolver uma certa fascinação com o problema do bem e do mal, do sagrado e do profano. Inclinado à pureza, você pode tornar-se absorto no pecado, continuamente em busca da perversidade que espreita em seu interior. Então, quando você acredita que cedeu a uma tentação impura, você pode se entregar a atos de auto-sacrifício numa tentativa de reparação. Outras pessoas raramente detectam esta batalha interna, entretanto, a luta interior entre o bem e o mal vive dentro de você, que prefere não expor esta verdade em público.

Ao avaliar as situações e tomar decisões, você prefere seguir sua intuição, ao invés de lógica. Você reage ao belo ao invés do feio, ao bem ao invés do mal, e ao moral ao invés do imoral. Impressões são obtidas de uma maneira fluídica, global e difusa. Metáforas aparecem naturalmente para você, mas pode ser que sejam filtradas. Você tem um dom para interpretar símbolos, tanto quanto para criá-los, e por isso você escreve de maneira lírica, e poética. Você demonstra uma tendência a distanciar-se intencionalmente da lógica, encarando-a como algo opcional. Você também pode, às vezes, simular uma familiaridade injustificavél com determinado assunto, acreditando em seu estilo impressionista que "já sabe tudo sobre o assunto", apesar de você nunca ter realmente dominado todos os detalhes. Você tem dificuldade de pensar em termos condicionais ("se isso acontecer, então..."), e tende a ver as coisas como preto ou branco, podendo ser impaciente com a preparação para circunstâncias futuras que podem vir a acontecer, mas que não podem ser previstas com certeza.

No trabalho, você é adaptável, abraça novas idéias e informações, é bem consciente das pessoas e de seus sentimentos, e se relaciona bem com a maioria das outras pessoas, embora com alguma reserva. Você não gosta de interrupções telefônicas e trabalha bem sozinho. Você é paciente com situações complicadas, mas impaciente com detalhes rotineiros, e pode até cometer erros de fato, mas raramente sentimentais.

Imprimir Email

Deixe os seus comentários

Publicar comentário como convidado

0

Pessoas nesta conversa

  • Visitante - Daniele

    AMEEEEEEEI ;)
    Eu sempre me senti meio rara, meio diferente das outras pessoas e embora me sentisse incompreendida, possuo inteligência intrapessoal o que me faz lidar bem com essas diferenças gritantes de mim e a maioria das pessoas. Eu tenho uma admiração muito grande por mim mesma e me conhecer melhor é tão gostoso. Parabéns pelo artigo, achei ele simplesmente incrível. <3

    Gosto 0 URL Curto:
  • Visitante - Andreia

    Sempre fico na dúvida entre infp e isfp. As duas personalidades são muito parecidas, o que muda é a forma de se expressarem. A maioria dos testes deu isfp, mas teve os que deram infp.

    Gosto 0 URL Curto:
Irish gambling website www.cbetting.co.uk Paddy Power super bonus.
Fóruns

module foruns

Artigos

module articles

Ligue-se a nós!

ATENÇÃO Este site utiliza cookies. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização . Saiba mais sobre o uso de cookies.

Aceito os cookies deste site.